Cadela morta no Hipermercado

cadela02

 

A cadela que morreu após ser resgatada ferida de uma unidade do Carrefour em Osasco, na Grande São Paulo, ganhou homenagens nas redes sociais. Com imagens e desenhos, internautas cobram investigação e punição para o caso.

O inquérito foi instaurado na última segunda-feira (3), e a polícia já analisa registros de câmeras de segurança.

Segundo denúncias, o animal foi espancado por um segurança no dia 28. Ele foi socorrido por uma equipe da Prefeitura de Osasco, sob informação de que teria sido vítima de atropelamento, mas não resistiu. As acusações sobre a agressão surgiram dias depois, e o caso provocou comoção.

Segundo testemunhas, o segurança terceirizado teria envenenado o animal, mas como ele não veio a óbito imediatamente, o funcionário pegou uma vassoura e golpeou o cachorro várias vezes. A agressão ocorreu dentro do estabelecimento.

O Departamento de Fauna e Bem Estar Animal, do município de Osasco, foi chamado para prestar atendimento ao cachorro ferido e sangrando, que foi encaminhado ao departamento para atendimento emergencial. De acordo com o departamento, o animal, que foi resgatado meia hora após o chamado, chegou consciente no local, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Em nota, o hipermercado diz repudiar maus-tratos e afirma estar colaborando com a polícia. O segurança foi afastado preventivamente, até a conclusão das investigações.

Anônimos, celebridades e perfis de cães se manifestaram nas redes. “Ai tiospodia ter sido eu”, diz a página da vira-lata Estopinha Rossi, que já foi abandonada e teve a sorte de encontrar um lar. “Parece que hoje todo mundo abraçou mais forte seu cachorro”, escreveu Cris Berger, ao lado de sua Ella.

cadela01

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *